Itamar Schülle ainda busca time ideal do Botafogo-PB para a Série C


Compartilhe

Apesar da boa campanha do Botafogo-PB na Série C do Campeonato Brasileiro, não dá para dizer exatamente que os onze iniciais do time estão na ponta da língua do torcedor. Do meio para frente, a equipe tem passado por modificações e testes. O treinador Itamar Schülle, que chegou há poucas semanas na equipe e tem apenas três jogos à frente do Belo nessa sua terceira passagem, ainda procura a melhor formação. 

“Estamos procurando o equilíbrio. Estamos tentando alternativas. São características diferentes. Estamos procurando dar ritmo aos que chegaram. Queremos uma equipe que chegue mais à área, que a equipe defina melhor. Quando a gente faz uma troca ou outra são com esses objetivos. Já coloquei Rosa, Nádson, Marcelinho, Sávio, Alessandro. A gente está buscando isso com muita transparência, sempre incentivando para que a gente evolua”, disse o treinador.

Outro debate que é bastante popular na torcida botafoguense é sobre a meta alvinegra. Titular absoluto desde o início da temporada, Luís Carlos vem sendo questionado por torcedores. Na última partida, na vitória contra o Ypiranga por 2 a 1, o goleiro falhou no gol. 

Contra o Remo, neste domingo, o camisa 1 não deve nem ficar nem no banco de reservas, por contra de uma lesão nas costas, que o tirou da partida contra o Ypiranga na segunda etapa. Vitor Golas deve ser o titular. 

“O Luís saiu lá com uma lesão, uma pancada na coluna. São coisas difíceis de se manter no jogo. Por isso que ele acabou saindo. A gente fez a troca. Colocamos o Vitor. Eu estou aqui há três jogos. Olha quantos jogos o Botafogo-PB fez. O Luís fez uma partida consistente contra  Brasil de Pelotas, depois a Aparecidense, depois contra o Ypiranga. Tantos jogos aconteceram antes. Comigo, eu sempre valorizo os atletas, mas o que me define é a semana de trabalho. Para esse jogo, nós estamos aguardando o departamento médico, ele não chegou a trabalhar, estamos trabalhando com o Lucas e com o Vitor”, explicou.

Com a vitória fora de casa diante do Ypiranga, o Botafogo-PB se aproximou muito da classificação para o quadrangular do acesso da Série C. Segundo números do Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), o Belo tem 96,5% de chances de avançar de fase. 

Uma vitória sobre o Remo, para além da questão dessa rivalidade circunstancial que tem preocupado até a diretoria remista, seria um passo fundamental para a classificação. O Botafogo-PB recebe o Remo neste domingo, pela rodada #16 da Série C, às 19h, no Estádio Almeidão. 

Veja também  Botafogo-PB anuncia dupla e reforça defesa e ataque para a sequência da Série C

  • botafogo-pb
  • remo
  • série c
  • Série C do Campeonato Brasileiro
  • ypiranga

Pedro Alves

Jornalista formado pela UFPB. Repórter de Esportes da Rede Paraíba de Comunicação.

Deixe uma resposta Cancelar resposta

Leia também

Botafogo-PB

Esquerdinha vê sua polivalência em campo como trunfo do Botafogo-PB contra o Remo

Meia de origem, o atleta também atua como volante e como atacante de beirada, ajudando Itamar Schülle a modificar o esquema de jogo sem precisar de substituições.

Botafogo-PB

Botafogo-PB anuncia dupla e reforça defesa e ataque para a sequência da Série C

Atacante Iago Teles, ex-Ituano, e zagueiro Reginaldo são as caras novas da Maravilha do Contorno.

Botafogo-PB

Botafogo-PB perde da UDA no Almeidão, e os dois clubes estão eliminados da Série A2 do Brasileiro Feminino

Foco agora das duas equipes é não cair de divisão. Belo fica com três pontos e cai para a lanterna do Grupo C, enquanto que o time alagoano sobe para terceiro e com quatro pontos.

Cadastre-se na nossa newsletter

    Cadastre-se na nossa newsletter

      Deixe um comentário

      O seu endereço de e-mail não será publicado.

      Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.