Segunda parcela de saques do FGTS inativo

Na metade de 2017 o Governo Federal com o objetivo de movimentar a economia do país acabou liberando para saque os valores das contas inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), onde muitos dos trabalhadores que acabaram sendo dispensados por justa causa, tiveram o seu dinheiro retido.

O prazo acabou e ainda sim muitos não conseguiram realizar o saque das contas inativas, voltando a ficar retido e só sendo liberado em casos específicos, como era antes desta ação do governo.

Acontece que nesta semana o Governo Federal iniciou um processo que vem sendo chamado de “segunda chance” para os trabalhadores que não realizaram o saque na época. A liberação do dinheiro das contas inativas do FGTS está liberada até o próximo dia 31 de dezembro de 2018*.

Quem tem direito a esta segunda chance do saque das contas inativas do FGTS?

Porém não serão todos os trabalhadores beneficiados. A Caixa informa que o saque só poderá ser feito por trabalhadores que possam comprovar que no primeiro período de saques, não estavam aptos para irem até uma agência da Caixa Econômica Federal por motivo de cumprimento de pena ou alguma doença que o impedia na ocasião.

Outra forma de saber se você tem o direito ao saque do FGTS é através de uma consulta na agência Caixa ou através do seguinte endereço eletrônico:

 

 

No caso do site, o trabalhador poderá visualizar todos os valores disponíveis e canais onde é possível realizar o saque.

Como fazer para sacar o dinheiro das contas inativas do FGTS em 2018?

O trabalhador que se enquadrar na categoria acima deve conseguir sacar o seu dinheiro do FGTS de contas inativas indo até uma agência da Caixa Econômica Federal portando seus documentos pessoais e originais. Além disso. é preciso também:

  • Estar com a certidão do órgão competente que comprove a situação de reclusão;
  • E/ou estar portando o atestado médico referente à data, que comprove o período de incapacidade para ir até uma das agências Caixa.

Os saques devem ser feitos no prazo máximo de 31 de dezembro de 2018, em dias e horários de funcionamento das agências.

Pagamento das cotas do PIS em 2018

Outro valor que está sendo disponibilizado e movimentando a economia neste final de ano são as cotas do PIS. Os pagamentos foram iniciados em 19 de outubro de 2017, e estão destinados a beneficiar milhões de trabalhadores, num volume que já ultrapassa os 3 bilhões de reais.

Mas ainda há uma grande parcela de brasileiros que possuem o direito e que não foram até uma agência CAIXA para realizar o saque. Atualmente cerca de 25% do público total efetuou o saque, algo em torno de 2,3 milhões de cotistas, porém o governo divulgou que as cotas do PIS devem alcançar 9,1 milhões de pessoas.

Para conferir se você também possui o direito nas cotas do PIS acesse o seguinte endereço:

É possível também fazer uma consulta através do aplicativo disponível para Android e iOS, chamado de APP CAIXA TRABALHADOR.

Lembrando que não são todos os trabalhadores que possuem este direito, é preciso estar de acordo com as regras de cada programa.